Curtindo no jardim :: ViradaSlow no Museu da Casa Brasileira





Procurando uma atividade para curtir a Virada Cultural? Confira a programação da #ViradaSlow, que acontece nos dias 17 e 18 de maio no Museu da Casa Brasileira. Em parceria com a produtora Respire Cultura o evento irá promover shows, exibição de filmes ao ar livre (O Iluminado para os marmanjos e E.T - O Extraterrestre para crianças e crescidos saudosistas), oficinas de jardinagem e reciclagem. Todas as atividades acontecem no espetacular  jardim do museu - área gramada e sombra de árvores centenárias pra incentivar os pequenos na brincadeira por horas a fio. Confira os detalhes da programação:

A banda Mustache & Os Apaches nasceu da simbiose criativa de cinco excêntricos músicos que também atuam em vários campos da arte como o circo, artes plásticas, cinema e literatura


17 de maio, sábado, #SlowKids e Cinema Meia-Noite - atividades especiais para os pequenos a partir das 14h30
+ Shows dos grupos Mustache & os Apaches (ouça aqui) e Trupe Chá de Boldo (ouça aqui), da cantora Anelis Assumpção e da Banda Alana.



Na virada da noite, à meia noite, pra dar aquele climão, o espaço dá um tempo na programação infantil e promove a exibição ao ar livre do filme O Iluminado (ui!), de Stanley Kubrick.

18 de maio, domingo,  #SlowKids durante todo o dia, das 14h às 19h
+ A molecada poderá escolher entre oficina de jardinagem e reciclagem, feira de troca de brinquedos e apresentações musicais que incentivam a interação entre pais e filhos com os grupos Música em Família e da Banda Alana

A Banda Alana oferece a crianças e jovens uma imersão no trabalho cultural com potencial transformador. A ideia é contribuir para a construção de uma realidade mais justa para todos

Para encerrar em clima de infância feliz, acontecerá a exibição da versão dublada do filme E.T. – O Extraterrestre, das 17h30 às 19h.




Vista do jardim do Museu da Casa Brasileira
Foto divulgação MCB/Nelson Kon


O jardim do Museu da Casa Brasileira é o único espaço verde na região da movimentada avenida Faria Lima. A área nasceu como parte integrante do solar do casal Fábio e Renata Prado, em 1945, no contexto das mudanças de costumes que aconteceram na capital, a partir do final do século XIX. Na época a família Prado apoiava a valorização dos jardins públicos e privados em São Paulo, e ajudou a popularizar árvores que, atualmente, são típicas das ruas paulistanas. Entre elas as tipuanas e os jacarandás-mimosos, presentes também no jardim do Museu.



SERVIÇO
Virada Slow e SlowKids 2014 no MCB
17 e 18 de maio – Entrada Gratuita
Realização: MCB e Respire Cultura
Apoio: BlueCanario Films, Juliana Borges e Instituto Alana
Local: Museu da Casa Brasileira
Av. Faria Lima, 2.705 – Jd. Paulistano
Tel.: (11) 3032-3727

fotos divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário