da minha capacidade como homem primitivo

E eu, aqui, sem computador, sem celular, sem IPod, sem GPS...praticamente um índio de novo. Enfiei as mãos nos bolsos e deixei tudo o que tinha com o mocinho da primeira lanhouse que encontrei. Não posso viver sem estas coisas.

Mas ali, sem querer, me deparo com o site do artista espanhol Juan Francisco Casas. Imagens de gente em diversão plena feitas apenas com canetas BIC. Impressionante. E eu que ainda achava que sem um computador eu estava incapaz de escrever.









Nenhum comentário:

Postar um comentário